segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Nova articulação política

Um movimento jovem que estar sendo criado em Itaporanga D'Ajuda,  trabalha nos bastidores político o nome do vereador Tonho de Luquinha para 2016. Segundo informações o movimento querem a pré-candidatura do vereador majoritário.

PT de Itaporanga 

O Partido dos Trabalhadores (PT) municipal de Itaporanga D'Ajuda estar se articulando juntamente com o PT e PMN para o ano de 2016. O PT pretende em 2016 lançar o nome do Professor Uivos,  atual Presidente do Partido em Itaporanga.

PSDC de Itaporanga

O PSDC do município de Itaporanga D'Ajuda também já se prepara para 2016. O Partido também pode estar de olho na Prefeitura Municipal de Itaporanga. Comentasse nos bastidores que Dona Lia é o principal nome do Partido para as próximas eleições.

Estudantes universitários do turno diurno, em Itaporanga D'Ajuda, fazem abaixo-assinado. 

A quantia de R$ 50,75 /semana, é o valor que os estudantes universitários de Itaporanga do turno diurno pagam para ter o “direito de ir e vir” à Aracaju. Essa é uma realidade constante no interior de Sergipe. Muitas vezes, sem poder  custear as despesas na capital ou até mesmo por ter uma estabilidade de emprego no interior, o estudante que passou pelo desafio de ingressar na universidade, acaba encontrando um desafio maior: o transporte. Por lei o município não é obrigado a arcar com essas despesas mas, segundo os estudantes, a lei surge através da necessidade de uma classe.

Existem soluções:

A lei Orgânica a maior de um município ou do Distrito Federal, ela que disciplina o funcionamento de uma categoria específica de alguns dos poderes. Milhares de municípios já fizeram isso como o caso de Jundiaí (interior de São Paulo) e Capela (SE ) que apresentaram e aprovaram o projeto que os estudantes não arcariam com as despesas do transporte intermunicipal universitário. Os Estudantes reivindicam que esses municípios sirvam de exemplos para que a educação não seja um desafio e sim um incentivo constante.

Por Jardel Costa

Teste da linguinha em recém-nascido passa a ser obrigatório no país

A partir desta semana, hospitais e maternidades das redes pública e particular passam a ser obrigados a fazer o chamado teste da linguinha em recém-nascidos. A determinação foi criada pela Lei 13.002/2014. O objetivo do exame é detectar se existe alguma alteração no chamado frênulo, membrana que liga a língua à parte inferior da boca – também conhecido como freio. A alteração pode gerar a popular língua presa.

Apesar de a lei ser considerada um avanço em alguns aspectos, a pediatra Patrícia Salmona, que integra o Departamento de Genética Clínica da Sociedade Brasileira de Pediatria, acredita que é preciso considerar alguns pontos com relação ao tratamento. Ela conta que existem graus diferentes de língua presa e, por isso, o tratamento varia. “Nem todas têm a indicação do tratamento do pique na língua. As que não têm indicação cirúrgica poderiam ser mandadas sem necessidade [para cirurgia]”.

De acordo com a assessoria do ministério, mesmo sem a regulamentação, a aplicação da lei está valendo e a norma vai reforçar o que já é feito hoje. A avaliação e a cirurgia são oferecidas gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), assim como outros testes importantes como o do pezinho, da orelhinha e do olhinho.

sábado, 20 de dezembro de 2014

Enquete: 36% dos Internautas votariam no vereador Tonho de Luquinha para prefeito de Itaporanga D'Ajuda

Enquete promovida pelo Itaporanga D’Ajuda News, perguntou aos leitores: Se a eleição para prefeito de Itaporanga D’Ajuda fosse hoje, em qual desses nome você votaria? 

Veja o resultado da enquete: Dos votantes na enquete 36% (60 votos) disseram que votaria no vereador Tonho de Luquinha. O vereador Otávio Sobral 30% (49 votos), César de Pentcha 15% (26 votos), Uilson 4% (8 votos), para 12% (20 votos) dos internautas que votaram na enquete eles não votariam em nenhum desses nomes.

Avaliando o resultado foi constatada que os internautas do município de Itaporanga D’Ajuda querem uma política de renovação. Quem acabar com esse velho pacto da mesmice do continuísmo. 162 internautas participaram da enquete.

Tonho de Luquinha 36% 

Otávio Sobral 30% 

César de Pentcha 15% 

Uilson 4% 

Nenhum desses nomes 12%

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Câmara da entrada de moção de repúdio a empresa Coopertalse.

A câmara municipal de Itaporanga, em sessão ordinária, do dia 09/12/2014 deu entrada verbalmente a uma moção de repúdio a empresa de transportes Coopertalse.

A propositura foi encabeçada pelo vereador Tonho de Luquinha, que conta com o apoio dos demais vereadores para que seja aprovada a moção, devido a precariedade aos serviços prestados no nosso município. E não cumpriu com que ficou acordado na última reunião na SEDURB.

O sistema já era ruim agora pirou. A SEDURB e a Coopertalse não tá respeitando os políticos e principalmente o povo. E torno a dizer o povo não está pedindo nada a político nenhum, porque o povo paga suas passagens do seu próprio bolso, se paga tem que cobrar mesmo. Parabéns ao povo de Itaporanga!

Fonte extraída do Facebook do Vereador Tonho de Luquinha

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Realidade dura da Educação em Itaporanga D'Ajuda

Realidade dura em Itaporanga De ajuda. Na Escola Estadual Francisco Sales Sobral, falta professores, a estrutura física estar precisando urgentemente de uma reforma. As carteiras estão velhas e oferece risco de acidentes. Insalubridade nas salas de aulas. A escola é do Estado mais a responsabilidade é da Prefeitura também, a Secretaria De Educação Estadual tem que estar em Parceria com a Secretaria Municipal de Educação para resolver o problema, é pra isso que existe prefeito na cidade...

A realidade do ensino público em Itaporanga não é nada satisfatório pouco menos motivador. Os alunos tem um ensino crítico nada privilegiado. Os professores andam desmotivados para enfrentar salas de aulas, porque não recebem o que é de direito da classe. As estruturas das escolas (o patrimônio) não oferecem conforto e segurança, algumas escolas estão quase “chão a baixo” necessitando de reformas/re-estruturação, outras não oferecem salas de informática, carteiras conservadas. Sem falar na dificuldade de acesso à escola de quem mora na zona rural. Outro grande problema é a despreparação da escola para receber e adaptar a quem tem alguma deficiência física. E quem sofre com tudo isso é o estudante e o futuro estudante. Sabendo irá influenciá-lo para toda à vida. Porém as autoridades vêem esse fato problemático como algo normal e, não buscam estratégias e investimentos, tratando-a como prioridade e atenção. Com a educação não se brinca.

Assista abaixo o vídeo do Programa Balanço Geral, transmitido  de Segunda a Sexta-Feira pela TV Atalaia afiliada da Rede Record em Sergipe.





segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Itaporanga gasta R$ 2,4 milhões com compra de cestas básicas

CINFORM de 08 à 14 de Dezembro de 2014 Edição 1652/ CINFORM Municípios

Edital com itens duvidosos beneficia empresa, e Itaporanga gasta R$ 2,4 mi

Você sabe quanto vale uma cesta básica com 15 itens? Custa em torno de R$ 70, quando o cliente é consumidor comum. Se comprada em atacado, como fazem gestores públicos, o preço cai bastante.

Em um dos últimos processos licitatórios, o Governo Estadual - por exemplo - adquiriu 100 mil cestas ao valor de 58 para distribuir à famílias carente, cadastrados no programa federal Mais Alimentação.

Mas em Itaporanga D'Ajuda apenas uma única empresa - a Gama Distribuidora e Logística de Alimentos LTDA - vendeu à Prefeitura 30 mil unidades desta mesma cesta básica no valor de R$ 80,02, com um custo total ao município de R$ 2.400.600,00.

Intimidação

No caso do Projeto Mais Alimentação, é possível que esteja se abrindo um leque de inúmeras possibilidades de malversação do erário. Como? Burlando licitações por meio de fabricação de itens tortuosos nos editais públicos para impedir a livre concorrência. Itens diferenciados, que nem mesmo o Governo Estadual coloca como obrigatórios nas licitações, estão sendo definidos por prefeitos sem o mínimo cuidado ou pudor, como obrigar o concorrente a ter um capital social mínimo de 10% do valor estimado da contratação. Outra maneira de interferir no projeto Mais Alimentação e, suspeita-se, lucrar bastante, é intimidar pregoeiros: esse é o esquema que lesa dezenas de Sergipanos carentes nos rincões do Estado. Em cidades como Itaporanga D’Ajuda, essas práticas, de acordo com o empresário Célio França, estão se tornando um hábito comum.

O empresário relata que, no dia 26, foi ao município confrontar alguns itens do edital de n° 024/2014, lançado pela Prefeitura para realização de um pregão no próximo dia 12, com a finalidade de firmar convênio para compra de cestas básicas. O responsável pelo edital de Itaporanga, irmão da prefeita, conhecido na cidade por Juninho, o atendeu dentro do carro mesmo.

Propina de 10%

E relata ainda uma questão que, se confirmada, é gravíssima. “Tem a propina de 10% em cima de valores firmados nas licitações municipais de lá que Everaldo dono da Gama, me confidenciou pagar a Juninho irmão da Prefeita Gracinha, para vencer”, diz “Ele me disse isso publicamente, no meio da praça, sem o menor pudor. E me aconselhou ser político para conseguir concorrer no mercado”, reforça o empresário Célio. A reportagem tentou localizar a prefeita Gracinha, mas, até o fechamento dessa edição, não obteve sucesso.

“Mando Eu”

E limitou-se a dizer, segundo Célio, que lá quem mandava era ele. “Eu faço aqui como eu quiser. Se você quiser tornar isso público (as palavras dele a respeito do edital), pode tornar”. Célio então procurou a imprensa. Com cópias do tal edital, o empresário compara preços dos produtos de gêneros alimentícios. E analisa a discrepância entre valores de contatos firmados pelo Governo Estadual e os praticados pela empresa vencedoras nas licitações da cidade.

Na última compra feita pelo o município, a Prefeitura de Itaporanga adquiriu 30 mil unidades dessas cestas de superfaturadas. Agora, de acordo com o empresário, o pregão da próxima Sexta-Feira, dia 12, pretende comprar da tal empresa vencedora 45 mil unidades. Só que para esse novo convênio, o edital retirou diversas quantidades de produtos da cesta do ano passado, fazendo com que o preço de R$ 80,02 – já superfaturado – caísse R$ 17,10 se pago o valor real. Ou seja, a cesta sairia ao preço de R$ 62,92. “Pelos meus cálculos, cada unidade dessa nova cesta básica custará R$ 106,22...

Fonte Reproduzida do Jornal CINFORM

Seria mais prático o Cartão Magnético do que o Programa Mais Alimentos

Seria mais prático o Cartão Magnético, pelo menos o povo carente do município de Itaporanga D’Ajuda que em sua maioria se deslocam de seus povoados, não precisaria enfrentar essas filas enormes debaixo de sol (Como mostra a foto acima), isso é uma falta de respeito dessa administração que só pensa em se promover, a presença das pessoas para o recebimento da Cesta Básica do Programa Mais Alimentos.

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Prefeituras de Carmópolis e Itaporanga são investigadas

por NE Notícias, da redação

As prefeituras de Carmópolis e Itaporanga D'Ajuda estão sendo investigadas por uma comissão de autoridades. A comissão recebeu informações e documentos que podem provocar ações de improbidade administrativa, e até mesmo ações criminais.

Os documentos estão sendo rigorosamente checados e, segundo uma autoridade, que pediu para não ter o nome revelado, podem ser encaminahdos à imprensa nos próximos dias por pessoas interessadas nas investigações.

NE Notícias aguarda as informações e documentos, que podem ser enviados para gilmar@nenoticias.com.br ou pelo WhatsApp 8869-1008.

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Estádio Municipal de Futebol Governador João Alves Filho localizado no municipio de Itaporanga D'Ajuda oferece risco aos desportistas amador










Estádio Municipal de Futebol Governador João Alves Filho oferece riscos aos desportistas amador do município, é lamentável o descaso com o esporte de nossa cidade, os vestiários dos interior em ruina abandonados.

O Estádio estar nessas condições ainda dizem que está tudo bem, é preciso entender que as coisas só está tudo bem quando é pra todos, que quando é pra um ai nada anda bem e sim de mau a pior.

Essas imagens precisa chegar ao conhecimento do Ministério Público e ao órgão da Defesa Cível para que o mesmo seja interditado de imediato para a pratica desportiva amador